Já pensou em evitar doenças respirando pum? Pois bem, um grupo de cientistas da Universidade de Exeter, no Reio Unido, fez um estudo bizarro e agora afirma que cheirar o gás faz bem a saúde.

A descoberta foi divulgada pelo site da revista americana “Time”, no início de novembro. Segundo os pesquisadores, cheirar pum diminui os riscos de câncer, acidentes vasculares cerebrais - AVC, ataques cardíacos, artrite e demência. “O sulfeto de hidrogênio, produzido enquanto as bactérias da comida se decompõem no corpo, pode resultar em futuras terapias para uma variedade de doenças”, afirma o doutor Mark Wood em um comunicado da universidade sobre os benefícios do gás.

Embora o estudo aponte somente os benefícios de cheirar pum, os cientistas alertam que as fungadas devem ser feitas com moderação, já que o gás pode ser nocivo quando respirado em grandes quantidades.

De acordo com o professor Matt Whiteman, que trabalhou na pesquisa: “o composto resultado do pum foi batizado de AP39 e já tem sido aplicado em pequenas doses às mitocôndrias”. Agora os cientistas querer criar, em laboratório, uma mistura que imite os benefícios do gás.